Designers criam ícones para banheiro de gênero neutro

Posted by on / 0 Comments

Um dos papeis da publicidade e do design é a responsabilidade social. Se a comunicação pode ser uma transformadora da realidade, apoiar a diversidade e o respeito às pessoas é indispensável.

Pensando nisso, o site americano Co.Design chamou 6 designers para criarem novos ícones de banheiros para gênero neutro, já que os ícones tradicionais – silhueta de um homem ou de uma mulher – podem ser constrangedores e segregadores às pessoas que não se encaixam nesse binarismo tradicional de gênero e sexo.

Vamos ver o que esses seis designers de quatro estúdios diferentes de Nova York têm a nos mostrar e nos dizer:

Krista Oraa, Diretora de Design, Siegel+Gale

 “Para indicar um banheiro de todos os gêneros, o ícone une ambas as formas – a masculina e a feminina – com linhas simples e uma abordagem de design minimalista.”

3063397-inline-4-6-designers-tackle-the-icon-for-all-gendered-restrooms

 

Vivi Feng, Designer, Siegel+Gale

“A primeira ideia incorpora o logotipo da campanha de direitos humanos no corpo do ícone do centro para simbolizar a igualdade entre os gêneros e transgêneros. A segunda ideia mistura tipografia, com o A e dois LLs no ícone do meio, indicando que “todos” (all, em inglês), são bem-vindos. E o terceiro ícone simplesmente indica que um banheiro é um banheiro – está disponível para quem quer que precise usá-lo.

3063397-inline-i-1-viva-feng

 

Geoff Cook e Min Lew, Sócios, Base Design

“O dar de ombros exala a atitude de ‘tanto faz’ – um banheiro é apenas um banheiro, e todos são bem-vindos.”

 

3063397-inline-1-6-designers-tackle-the-icon-for-all-gendered-restrooms

 

Jonathan Notaro, Diretor executivo de criação, Brand New School

“No fundo, não importa como você se identifica, nós somos tomos apenas um amontoado de ossos por dentro. Então porque não levantar a pele do ubíquo ícone de banheiro e revelar o que está dentro de cada um de nós? Eu cheguei a esse ponto de vista lógico perguntando a mim mesmo ‘Que diabos todos nós devemos fazer com esses ícones velhos?’. Bem, talvez nós não tenhamos que nos livrar de todos eles. Eu projetei esse gráfico para ser usado como uma sobreposição em cima dos sinais existentes, com estêncil ou adesivo”.

 

gender_icon-jn

 

Sam Becker, Diretor de Criação, Brand Union

“Os ícones dos banheiros públicos parecem ser um dos últimos aspectos da nossa cultura visual que ainda se prende ao gênero, e, consequentemente, à separação. Quanto mais eu pensava nesse problema, mais óbvio pareceu que qualquer solução visual inclusiva deveria focar no que realmente acontece em um banheiro, mais do que quem em deveria estar usando-o.

Também reconheço que isso é um assunto de polarização que provoca fortes reações emocionais. Portanto, nós recomendaríamos uma migração de signos lenta, começando com sinais legendados que alertam os usuários do banheiro às diferenças que eles podem esperar com banheiros de gênero neutro. Eventualmente, o ícone será capaz de se sustentar sozinho, sem nenhuma tradução do que significa.”

 

Print

 

 

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>